• Como treinar?

    Como treinar?

    Se queres melhorar o teu desempenho na tua bike, ou em qualquer outra atividade aeróbica, precisas aumentar a tua resistência. Isso leva tempo e é um trabalho duro, mas como recompensa serás capaz de suportar atividades mais cansativas com menos desgaste físico. O caminho para melhorar a tua resistência é fazer com que o teu corpo se adapte a exercícios aeróbicos de grande intensidade. Aumentando o número de vezes que fazes por semana, aí sem dúvida poderás aumentar visivelmente a tua resistência em pouco tempo.
    Procura sempre por novas informações sobre treino, dieta, suplementação, isso te irá ajudar a manter-te motivado e tentar superar desafios novos, além de ficares conhecedor do que é certo ou errado. Pois houve-se muita coisa.
    Um dos casos é o tão evocado ‘No Pain, No Gain’. Mas será mesmo assim?
    Não é o mais forte que tem mais poder, é o que tem mais conhecimento!
    O processo de evolução de um ciclista depende de um ciclo que possui basicamente 3 fases: Estimulo – Nutrição – Descanso.

    Observa o gráfico:

    11227963_461716923999090_5411341033729134437_n

    A linha A-B representa a estimulação durante o treino. O músculo treinado sofre micro-lesões causadas pelo exercício.
    Com alimentação e repouso o músculo se reconstitui voltando ao estado inicial (Fase B-C).

    Sim… Mas o objetivo não é treinar e voltar por mesmo lugar, quero mais!
    A fase C-D representa a adaptação positiva do organismo ao treino. E o que é isso? É o ganho acima do estágio inicial que é chamado de SUPERCOMPENSAÇÃO. Basicamente nosso corpo se prepara para a possibilidade de ser necessário outro “esforço extremo”, que cause as pequenas lesões na musculatura e entende que para que não exista outro estímulo negativo (A-B) o músculo deve passar um pouco do estado inicial e é nesse período que deve ser aplicada uma nova sessão de treino.
    Após o ponto D se não houver um novo estímulo o corpo volta ao estado inicial.
    Assim fica comprovado que:
    “OS MÚSCULOS CRESCEM DURANTE O DESCANSO, E NÃO DURANTE O TREINO!”
    Veja em outro gráfico o “provável” motivo de muitos atletas não conseguirem os resultados desejados:

    No gráfico 1, apresenta uma situação favorável de treino, onde as setas indicam que os estímulos (treinos) foram aplicados no momento ideal (SUPERCOMPENSAÇÃO), a alimentação foi adequada e a recuperação foi “respeitada”.
    No gráfico 2, vemos que os estímulos foram aplicados antes mesmo do corpo recuperar seu estagio inicial, com isso há um resultado negativo.

    2